Voltar para o resumo geral de notícias

A Desso chama a atenção para o perigo das partículas finas de poeira presentes nos ambientes no Dia Mundial da Asma de 2012

26 abril 2012

A Desso, fabricante europeu de carpetes, chama a atenção nesse 1º de maio de 2012 - Dia Mundial da Asma - para um problema mundial: a má qualidade do ar interno em nossas casas, edifícios públicos e comerciais. Uma excessiva quantidade de partículas de poeira fina representa um grande risco à saúde, em particular para os pacientes asmáticos. A asma é um problema mundial, da qual mais de 300 milhões de pessoas1 sofrem as consequências dessa doença. Já em 2011 a Organização Mundial da Saúde (OMS) alertou com o relato que, mais de 2 milhões de pessoas1 morrem anualmente como resultado da contaminação do ar interno e externo.

Ar interno
Collot d'Escury (CCO de Desso): "A qualidade do ar interno - em residências, escritórios, escolas e demais edifícios públicos - muitas vezes deixa muito a desejar. A quantidade excessiva de partículas finas de poeira em um ambiente representa um grave problema." Segundo os estudos da OMS realizada em 1.100 cidades no mundo ficou demonstrado que a grande maioria da população é exposta anualmente a uma taxa alarmante de partículas finas (PM10), a qual excede amplamente o limite estabelecido por esta organização1. A Desso está empenhada na melhoria da saúde e bem-estar das pessoas. O Dia Mundial da Asma é, portanto, um importante momento para expor a situação e, o mais importante, propor soluções adequadas.

Sugestões para a melhoria da qualidade do ar interno.
1. Tome medidas preventivas e escolha um revestimento de piso que retenha o pó em vez de repelir - escolha, portanto, um carpete;
2. Limpe o carpete regularmente com um aspirador de pó com grande força de sucção, uma escova e um filtro HEPA;
3. Mantenha um grau de umidade do ar saudável (de 30% a 50%);
4. Faça uso das forças da natureza para ajudar a limpar o ar interno - tenha plantas em casa;
5. Invista em bons filtros de ar HEPA para ajudar a purificar o ar interno e certifique-se de que os filtros sejam cuidados e substituidos regularmente;

Medidas preventivas
O alarmante nível da má qualidade do ar interno foi para a Desso um bom motivo para desenvolver o carpete AirMaster em 2010. Este carpete é oito vezes mais eficaz em termos de captação e retenção de partículas finas de poeira do que os pisos frios e quatro vezes mais eficaz do que os carpetes2 tradicionais, como ficou demonstrado nos estudos realizados pelo instituto de testes alemão independente (GUI). Com isso fica assegurada uma melhora significativa do ar interno e reduz o risco de problemas de saúde. Collot d'Escury: "A DAAB, Fundação de combate à Asma alemão, confirmou em 2005 que o uso de tapetes e carpetes em um ambiente interno leva a uma menor concentração de partículas finas de poeira no ar3."

Passamos 90% de nosso tempo dentro dos recintos fechados
Uma boa qualidade do ar interno é essencial uma vez que as pessoas passam grande parte do dia em ambientes fechados. Por exemplo, as pessoas que trabalham em tempo integral em escritórios permanecem em média 1.880 horas nesses ambientes. Collot d'Escury: "Nos últimos anos nós chamamos a atenção do público em geral para o risco da má qualidade do ar interno, em particular nas escolas. É lamentável que as crianças passam grande parte de seu tempo em um ambiente desnecessariamente insalubre." O Carpete AirMaster da Desso já foi instalado em um grande número de escolas na Europa. Além disso, a Desso colabora com diversas organizações como Frisse Scholen (Escolas Limpas), Gezonde Scholen (Escolas Saudáveis) e Vitaal Lokaal (Locais Vitais). "Recebemos delas um feedback muito positivo. A razão é muito simples: o ar das salas de aula ficou mais limpo, o que contribui para um bom clima para o aprendizado. Isso representa um grande alívio para as crianças e professores que sofrem de asma ou outras doenças das vias respiratórias."

Para obter mais informações sobre o AirMaster, visite www.desso-airmaster.com

1 Fonte: Organização Mundial de Saúde (OMS)

2 Fonte: Os testes do GUI, em que o DESSO AirMaster® foi comparado com um revestimento de piso de PVC rígido e com um carpete bouclé tradicional.

3 Fonte: estudo realizado pela Deutsche Allergie- und Asthmabund e.V. (Associação Alemã para Asma e Alergia) em 2005.

  • Compartilhar esta página
  • twitter
  • linkedin
  • facebook
  • email